Nos últimos dois artigos, falamos sobre os primeiros dois passos, para se realizar uma auto hipnose… Estes dois passos, se resume em fazer a indução, que é a preparação do corpo e da mente para o transe, e depois o aprofundamento, que é o processo de aumentar e melhorar nosso acesso às informações vindas do inconsciente.

Nestes dois processos, devemos estar prontos para explorar a mente e então inserir sugestões que possam nos ajudar a mudar um comportamento, uma crença ou criar um novo hábito…

Sugestões Hipnóticas

Como Funcionam As Sugestões Hipnóticas

Então neste artigo, iremos entender como funcionam os sugestões hipnóticas e como podemos aplicar esta técnica em nosso treinamento mental.

A verdade é que a todo momento, estamos sendo bombardeados por sugestões… Elas estão vindo de nossos familiares, amigos, internet, propagandas, outdoors nas ruas, novelas na tv, programas de rádio, jornais, na linguagem corporal não verbal das pessoas na rua, nos bares, na balada, nos livros e textos que lemos, na igreja, no shopping, ou seja, somos sugestionados em tudo que interagimos.

Mas graças aos nossos filtros críticos, nem todas as sugestões que recebemos são processadas e aceitas por nós. Muitas delas não são aceitas como uma informação que faz sentido e por isso, não ultrapassam nossos filtros lógicos.

Porém, há outras sugestões que mexem com a nossa curiosidade, ou ultrapassam o nosso filtro da atenção, e estas sugestões, podem influenciar nosso comportamento.

É muito comum ser influenciado por sugestões vindas de filmes e propagandas bem elaboradas e que conectam bem com aquilo que sentimos; É muito comum ver estas propagandas em datas especiais como dia dos pais, dia das mãe, namorados, páscoa e natal.

Além de serem bem elaboradas e criativas, elas possuem um conteúdo que “falam” a linguagem emocional e a linguagem dos sonhos, e com isso, persuadem e influenciam nossas intenções.

Para você compreender melhor o poder de uma sugestão hipnótica, vou fazer um teste agora com você, e te dar um exemplo bem simples, que aprendi no curso Softwares Mentais, sobre como despertar uma sensação em uma pessoa… Se prepare agora e siga este exemplo:

– Feche os olhos, respire fundo e agora, use toda a força da sua imaginação…

– Imagine que em sua mão, se encontra um limão bem verde…

– A sua frente há uma mesa…
– Coloque esse limão verde em cima da mesa…
– Na mesa há uma faca, para você cortar o limão… corte o limão em duas bandas…
– Agora, pegue uma banda deste limão e o coloque inteiro na sua boca…
– Pode ser que você não goste de limão, mas vale você imaginar o limão em sua boca, para fazermos este pequeno teste…
– Agora que você está com o limão em sua boca, dê uma mordida forte e sinta o caudo azeado do limão escorrendo por dentro de sua boca…    

Você conseguiu imaginar ?
Tenho certeza que você agora está com a boca salivando… pois o azedo do limão tem a capacidade de provocar esta reação…rsrs Se você quiser pausar o vídeo agora, está tudo bem, você pode pegar um copo agora e tomar água … rsrs

Nesta sugestão, o meu objetivo, foi de provocar saliva em sua boca… Então, pude mostrar a você a capacidade de uma sugestão de provocar reações em nós, apenas com palavras… Vamos testar um outro exemplo:

– Feche os olhos, respire fundo e agora, use toda a força da sua imaginação…

– Imagine que em seus braço há um bebê, com poucos meses de vida…

– Você o está segurando, como toda a confiança e cuidado… é um bebê lindo!
– Imagine a textura lisa, suave de sua pele..
– Neste momento, o bebê olha para você com olhos bem grandes e brilhantes…
– E por um breve momento, este bebe abre um sorrisão pra você..
– Com os olhos bem grande e brilhosos, o bebê está sorrindo para você..
– E então ele solta uma daquelas gargalhadas curtas, que só um bebê consegue soltar…
– rsrs

Você consegiu imaginar ?
Tenho certeza que você expressou um sorriso e uma boa sensação, ao imaginar uma bebê olhando e sorrindo para você… rs

Nesta sugestão, o meu objetivo, foi provocar uma breve sensação de alegria em você…

Sugestões Regem Nossos Relacionamentos

Então este é o poder de uma sugestão! No nosso caso aqui no curso de auto hipnose, devemos criar sugestões, a fim de provocar reações que possam elevar nosso potencial e moldar comportamentos de alta performance. A grande vantagem de utilizar sugestões de forma consciente, é que podemos criar sugestões com base em nossas necessidades…

Você pode perceber também, que não é necessário estar hipnotizado para receber sugestões… porém, sugestões mais complexas, que tem o objetivo de moldar conceitos mais complexos do nosso comportamento, como crenças sólidas e valores limitantes, necessitam de o mínimo possível de crítica e filtragem, o que podemos fazer com eficiência através da auto hipnose.

Veja o vídeo deste artigo

Acredito então que você compreendeu o que é uma sugestão hipnótica e como ela pode influenciar comportamentos…

– Agora, como você pode criar uma sugestão persuasiva e poderosas para a mente ?

Estimular a imaginação para compreender o sentido de alguma sugestão, é um dos caminhos mais eficientes para persuadir a mente de forma eficaz… Podemos fazer isto, utilizando figuras de linguagem ou metáforas!

O uso da metáfora é uma forma poderosa de estimular a imaginação e persuadir a mente, isto porque a metáfora se assemelha à linguagem dos sonhos, o que é muito eficiente para conversar com nossa mente emocional, o sistema límbico.

Isto quer dizer que ao ouvir uma metáfora, a mente consciente estará ocupada em interpretar o conteúdo racional, e para isso usará processos lógicos, nossos filtros críticos, enquanto a mente inconsciente trata a informação de maneira mais simbólica e intuitiva, recebendo a mensagem e ajustando aos problemas que se quer solucionar.

A metáfora “dá uma luz” e amplia a compreensão para fatos ou situações difíceis de equacionar pela lógica.

Então, quanto maior for a sua competência e habilidade em formular metáforas que se ajustam aos seus objetivos, mais rápido e eficaz será seu efeito e sua mudança de perspectiva.

No entanto, não há uma regra única e geral para se criar metáforas… mas há algumas dicas valiosas que podem te ajudar no processo de criação..  

Primeiramente, seja criativo… tente utilizar experiências sensoriais na criação de sua metáfora, como o uso de cheiros, gosto, detalhes visuais e auditivos… Neste caso, explore o uso de sub modalidades sensoriais no seu texto metafórico, para influenciar os sentidos…

A outra dica é utilizar a livre associação de ideias… Você pode comparar conceitos sólidos como confiança por exemplo, com algum animal ou com algum personagem histórico… ou com as ações de uma pessoa especial… Na metáfora não há limites imaginativos.. mas a associação tem que gerar alguma moral e influenciar alguma valor que possuímos.

Você pode incluir também estados emocionais que seja favoráveis ao seu objetivo… elaborar a metáfora com um tom emocional definido, ajuda a criar este estado emocional na mente…

Além disso, estude outras figuras de linguagem como personificações, analogias, alegorias e parábolas; elas irão te ajudar a compreender ainda mais como se cria metáforas…

Por enquanto é tudo

Na próxima vídeo aula, iremos falar sobre os processos de reprogramação da mente… ou seja, como podemos alterar de forma definitiva uma ideia limitante por uma ideia de alta performance.

Caso tenha dúvidas, sugestões, dicas extras, deixe seu comentário abaixo, será de grande ajuda e muito bem aceita por nós… Então até a próxima.